Sindicato promove ato de “boas-vindas” ao novo GG da Replan

A direção do Unificado realizou na manhã do dia 3 um ato de “boas-vindas” ao novo gerente geral da Replan, Rogério Daisson Santos. A “festa surpresa” organizada na porta da refinaria, teve a presença de trabalhadores do turno e do HA e atrasou o início do expediente em cerca de uma hora e meia.
“Fizemos o ato para lembrar à direção da Replan que aqui tem um Sindicato e trabalhadores organizados”, afirmou o coordenador da Regional Campinas, Gustavo Marsaioli.
Na quarta-feira, o Sindicato foi informado que o mandachuva estaria na refinaria na manhã seguinte. A empresa, mais uma vez, não avisou os diretores sindicais sobre essa programação e sequer sobre a data prevista para a posse do novo gerente.
“Consideramos uma boa iniciativa do GG dialogar com os trabalhadores, especialmente neste momento difícil que enfrentamos. Com o anúncio da privatização das refinarias, a conversa é essencial para reduzir ao máximo as tensões. O que não concordamos é com a prática da empresa de não convidar o Sindicato para participar de eventos e diálogos na refinaria”, declarou Marsaioli.
Ele se refere a casos ocorridos recentemente na Replan, como a visita da conselheira Betânia, a apresentação do plano de desinvestimentos e a presença do CA, nos quais o Sindicato não foi comunicado pela empresa. “Em todas essas ocasiões só ficamos sabendo dos acontecimentos porque fomos informados por trabalhadores”, destacou.
Após o ato na porta da refinaria, a empresa entrou em contato com a direção sindical e avisou que pretende fazer a apresentação formal do gerente ao Sindicato. O novo GG já foi gerente setorial da elétrica/instrumentação e do setor de manutenção da Replan e atualmente era diretor da Transpetro.