IBP pede suspensão do certificado do SPIE

Por conta do acidente, o Instituto Brasileiro de Petróleo,  Gás e Biocombustíveis (IBP) encaminhou à Replan o comunicado de Suspensão Cautelar do Certificado do SPIE (Serviço Próprio de Inspeção de Equipamentos).
O documento, endereçado a Edneu Jatkoski, responsável pelo SPIE na refinaria, afirma que em função do acidente o IBP resolve “aplicar ‘Suspensão Cautelar’ ao Certificado de SPIE da PETROBRAS REPLAN, a partir desta data, até que seja enviado, ao OCP/IBP, relatório detalhado com as causas que levaram ao acidente, ações implementadas e conclusões”.
Na carta, o Instituto solicita, também, a presença de do responsável pelo SPIE da Replan para prestar esclarecimentos sobre o ocorrido.
Essa é apenas mais uma consequência do desmanche que ocorre na refinaria e no Sistema Petrobrás. Lutar contra o desmonte e a precarização do trabalho é também uma forma de garantir maior segurança para os trabalhadores/as.